As 10 marcas mais valiosas do mundo - Dicas, Aprenda Como fazer, Tutorial e Livros.

Tutomania - Dicas, Aprenda Como fazer, Tutorial...

Login:
Senha:
Salvar |  Cadastre-se

 

Home | Arquivo | Envio | Jogos Online | Política de Privacidade | Contato

Diversos...

As 10 marcas mais valiosas do mundo


DOCUMENTO:


ESTATÍSTICAS:

Comentários: 0 (Comentar)
Nota: (Dar Nota)
Valor: 10 crédito(s)
Enviado por: marciobmmorais (2069)
Publicado em: 10/11/05 19:20hs.

LINKS PATROCINADOS:

DOCUMENTO:

Para entrar neste Top 10, as marcas têm de valer pelo menos 20 bilhões de dólares!


10. MARLBORO

A marca criada pelo tabaqueiro inglês Philip Morris tem 14% do mercado mundial de cigarros. Mas a empresa dona da marca tá levando fumo: só nos Estados Unidos, há mais de 200 pedidos de indenização por danos a fumantes. Em 2001, a fabricante pagou 3 bilhões de dólares a um americano que fumava Marlboro e tinha câncer terminal.
Um dos caubóis que convidavam para"o mundo de Marlboro" nos comerciais morreu em 1992 com tumores no pulmão por conta do fumo...

9. TOYOTA

A alta produtividade foi a chave para o crescimento da companhia fundada na década de 1930 pelo japonês Sakichi Toyoda - ele não adotou o nome da família por uma razão de marketing: em japonês, Toyoda significa "arrozal abundante", o que não era muito legal para uma montadora. Da empresa vem o carro mais vendido da história, o Corolla. Desde seu lançamento, há 40 anos, já foram para as ruas 30 milhões de unidades.
A montadora que mais vende no mundo é a General Motors. Mas a GM não aparece no ranking da Business Week porque é uma empresa, e não uma marca. As principais marcas da GM - Chevrolet, Pontiac e GMC - nem aparecem no top 100.

8. MCDONALD'S

Para baixar o preço dos seus hambúrgueres em 1937, os irmãos americanos Dick e Mac McDonald dispensaram as garçonetes e os talheres. A estratégia deu tão certo que o vendedor de milk-shakes Ray Kroc comprou a marca em 1955 e espalhou a rede pelo mundo: hoje, são 31 mil McDonald's em 119 países e 49 milhões de fregueses por dia. Na lista da Business Week, a marca de fast-food mais próxima é a KFC, no 61º lugar.

7. DISNEY

O americano Walt Disney começou a ganhar o mundo em 1928 com o primeiro desenho com som, Steamboat Willie. Continuou inovando com o primeiro longa de animação, Branca de Neve e os Sete Anões, em 1937, e com o primeiro megaparque temático, a Disneylândia, em 1955. Hoje, a marca Disney aparece em canais de TV, estúdios de cinema, resorts, dez parques temáticos, um navio de cruzeiro...
Walt Disney torrou 17 milhões de dólares na Disneylândia. Hoje, essa grana não paga nem um dos brinquedos da Disney de Orlando!

6. NOKIA

A empresa nasceu como uma usina de papel em 1865, no sudoeste da Finlândia. Nos anos 60, a empresa começou a pesquisar radiotransmissão e mergulhou na onda dos equipamentos eletrônicos. Encolhendo os grandes e pesados telefones móveis, a marca Nokia virou líder em vendas de celulares no mundo. Só no ano passado, foram 108 milhões de aparelhos. Entre seus concorrentes, a Samsung aparece no 20º lugar e a Sony em 28º no ranking da Business Week.
O ringtone "Nokia Tune" foi inspirado num solo de violão composto pelo espanhol Tarrega, no século 19.

5. INTEL

Fundada em 1968, essa empresa americana lançou na década de 1970 o primeiro microprocessador do mundo, o Intel 4004. Considerado o "cérebro" dos computadores, o microprocessador turbinou as vendas da empresa nas décadas seguintes, imprimindo a marca definitivamente na história dos PCs.
No ano passado, a empresa faturou 43,2 bilhões de dólares em vendas, sendo 75% na comercialização de microprocessadores como os da linha Pentium. Em junho deste ano, a empresa marcou um golaço: a Apple, fabricante do Macintosh, anunciou que seus computadores serão equipados com microprocessadores Intel a partir de 2006.

4. General Eletric

Fundada há 126 anos por Thomas Alva Edson, o inventor da lâmpada elétrica, a General Electric investe em tudo um pouco: a face famosa é a fabricação de eletrodomésticos. Mas os 300 mil empregados atuam em mais de uma dezena de segmentos, da geração de energia a turbinas de avião. Em todas as áreas de atuação, a GE é líder ou vice-líder - o executivo Jack Welch, que comandou a companhia de 1981 a 2001, se livrou de todos os negócios que não estavam no topo.
A companhia ainda sustenta o 3º maior grupo de comunicação do mundo, que inclui a rede de TV americana NBC e o estúdio Universal Pictures.

3. IBM

Fundada há mais de cem anos para produzir máquinas de contabilidade, a International Business Machines encheu os cofres de grana nos anos 70 e 80, projetando e fabricando componentes para PCs. Na década de 1990, a companhia migrou para a prestação de serviços de tecnologia. Deu certo: na última década, as ações da empresa se valorizaram mais de 800%.
Dos laboratórios da IBM surgiram invenções que a gente vê até hoje nos computadores: o cursor, o disquete e o mecanismo de reset que a gente odeia acionar: ctrl + alt + del!

2. MICROSOFT

Desde que os sócios Bill Gates e Paul Allen desenvolveram o primeiro sistema operacional para um PC, em 1975, a Microsoft entrou pesado no mercado de softwares. Hoje, é líder disparada e se aventura em outras praias - o mundo dos videogames, por exemplo, balançou com a força do seu Xbox. A grana choveu no bolso dos fundadores: Paul Allen juntou 21 bilhões de dólares e se tornou o 7º homem mais rico do mundo. Gates lidera o ranking dos bilionários, com uma fortuna de 45 bilhões de dólares.
Sempre acusada de querer dominar o mundo digital, a Microsoft já pagou mais de 4 bilhões de dólares em indenizações por denúncias de monopólio.

1. COCA-COLA

O refri mais popular do mundo nasceu como um xarope para curar dores de cabeça. Em 1886, o farmacêutico americano John Pemberton colocou o seu remédio caramelado à venda numa farmácia por cinco centavos de dólar. Naquele ano, cerca de nove vidros da bebida eram comercializados por dia. Hoje, são consumidos 1,3 bilhão de copos de Coca-Cola a cada 24 horas. Apoiada em cem anos de um megaesforço de marketing (foi a Coca que criou, por exemplo, o Papai Noel com o gorro e o saco de presentes que conhecemos hoje), a marca lidera o ranking da Business Week desde a primeira avaliação, em 2001. No ano passado, a bebida rendeu 21 bilhões de dólares aos cofres da Coca-Cola.
A assessoria da Coca diz que a fórmula do refri fica guardada num local secreto. Muita gente aposta que o tal local seja o cofre de um banco em Atlanta, nos EUA.

VEJA TAMBÉM:

COMENTÁRIOS:

Este documento não possui comentários. Prestigie quem o enviou e comente.

Comentar:

Título:
Autor:   Anônimo (Efetue login para comentar identificado)
Comentário:    

OPÇÕES

ENTRE COM SEU LOGIN E SENHA

Olá visitante! Para interagir com este documento, você precisa estar logado.

Login:
Senha:  
Salvar Dados  |  Cadastre-se!

O cadastro é gratis! É muito fácil e rápido fazer o seu cadastro.

Home | Termos de Uso | Sobre o Tutomania | Publicidade | Contato
2005 - 2013 ® Tutomania.